Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Um blog de partilhas. Um sitio onde se fala de filmes, música, livros, exposições e de tudo aquilo que sublime os sentidos. Sugere-se e anseia-se, pelo olhar de quem usa e consome a arte sem ter a arte de uma especialista.


Theodore 'T-Bag' Bagwell: I was only looking, Pretty! What's that old chestnut? I can look at the menu, doesn't mean I'm going to eat.

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Ago11

 

Rooster Cogburn: I'm a foolish old man who's been drawn into a wild goose chase by a harpie in trousers and a nincompoop.

Autoria e outros dados (tags, etc)

20
Ago11

Trust

por psipsina

 

A estrela da série “Friends”, muda-se para trás da câmara para dirigir Clive Owen e Catherine Keener no controverso filme sobre uma adolescente atraída para um motel para ter relações com um predador da Internet com idade para ser seu pai.

Esta situação altera completamente a harmonia de uma família. O pai culpabliza-se e tem comportamentos obsessivos e de grande desconfiança. A rapariga recusa-se a admitir que foi violada e só o admite quando confrontada com factos que a colocam numa situação igual à de tantas outras. Um filme que poderá servir de alerta para pais e educadores. E para  perceber que o predador é um como nós.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

20
Ago11

Animal Kingdom

por psipsina

 

Baseado em factos reais, passa-se no submundo de Melbourne, onde o jovem de 17 anos Joshua “J.” Cody , após a morte da mãe por overdose, vai viver com a avó, Janine “Smurf” Cody (Jacki Weaver) e os seus três filhos criminosos — os jovens Cody.

Cansado e arrependido da vida criminosa que é obrigado a levar em nome da família, J. decide procurar a polícia. Revoltada com a crise de consciência do neto, a avó e os seus três filhos sociopatas decidem eliminar a ovelha branca da família, nem que para isso seja preciso chantagear a polícia australiana.

Um filme bastante violento e crú. Mas a não perder, nem que seja para perceber a influência e poder da família na formação de cada indivíduo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

13
Ago11

Henry's Crime

por psipsina

Henry (Reeves) é um homem sem ambição, sonhos ou objectivos, mas desperta quando se torna num participante involuntário de um roubo mal concebido a um banco. Em vez de dar os nomes dos verdadeiros ladrões, Henry assume a culpa e vá para a prisão. Na prisão, ele conhece Max (Caan), um condenado que ajuda a pôr uma idéia na mente de Henry que irá mudar a sua vida para sempre. (Tvecinema)

 

Um filme em que tudo é tão inverosímel, que vê-lo é uma perda de tempo. A inverossimilhança não é para todos, nisso Woody Allen é mestre e qualquer semelhança resulta, quase sempre, em fracasso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

13
Ago11

Rien à declarer

por psipsina

As peripécias entre Ruben, um guarda fronteiriço belga anti-franceses que vê o fim das fronteiras como um ultraje à memoria dos seus antepassados, e Mathias, um francês que guarda a mesma fronteira, que terá de conquistar a simpatia de Ruben se quiser casar com a sua irmã. Pelo meio as dificuldades de quem ganhava a vida em plena "terra de ninguém" quer fosse de forma legal ou através de contrabando.

Uma comédia que nos faz largar umas boas gargalhadas mas nada mais que isso. A fazer lembrar as comédias com Louis de Fùnes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

11
Ago11

The Experiment

por psipsina

Do criador de “Prison Break”,  o filme conta a história de uma prisão provisória que é transformada num laboratório de pesquisa durante duas semanas. Vinte homens são contratados para serem prisioneiros ou guardas. O objectivo de tudo isto é científico: os cientistas querem saber como estes homens reagem a penas leves, sem o uso de violência. Os participantes têm uma série de regras que têm de seguir senão a experiência é terminada e ninguém é pago. O que começa como algo aparentemente simples e fácil acaba por sair do controle de ambos os lados: dos supostos guardas e dos prisioneiros. (fonte: BestCine).

Vi este filme pois gosto de filmes passados em prisões, talvez por nesses filmes, cada personagem joga com o que tem, e nada mais. Mas este filme desiludiu-me bastante pois não só perde costantemente ritmo como muitas personagens são pouco credíveis. Muito prevísivel  mas sempre à espera de uma surpresa que  nunca chegou a acontecer.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

02
Ago11

Ajami

por psipsina

 

 

Ajami é um dos bairros mais perigosos da cidade de Jaffa, onde israelitas e palestinianos convivem e vivem no mesmo espaço. Neste mundo várias histórias que à partida pareciam diferentes vão-se cruzar. Omar Nasri e seu irmão mais novo, são alvo da vingança de um clã rival pois o tio deles disparou sobre um dos seus membros. Para que a vingança termine, Omar precisa de arranjar uma grande quantidade de dinheiro. Malek trabalha ilegalmente num restaurante e também precisa de dinheiro para pagar a operação da sua mãe. Dando é um policia israelita atormentado pela morte do seu irmão, procura um rosto para a sua vingança. As suas histórias vão-se cruzar, para o bem e para o mal. 

É um filme que retrata bem a falsa convivência entre judeus, muculmanos e cristão. Um micro-cosmos do mundo. Vale a pena ver mas desde já aviso, vai chocar. Narrativa semelhante à usada por Iñarritu que é uma excelente opção para o objectivo do realizador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D